Tuesday, May 13, 2014

«C» de Cadáver - Sue Grafton

Linked by...
Foi no livro Os Homens que Odeiam as Mulheres de Stieg Larsson que o nome de Sue Grafton foi mencionado. Foram referidos, de forma generalista "os policiais de Sue Grafton", sem que Stieg Larsson especificasse qualquer título.

Uma procura no Winking Books revelou que este título estaria disponível para troca, pelo que o solicitei, considerando este livro como representativo da referência de Stieg Larsson aos policiais da autora.

Linked opinion...
Não posso dizer que este livro me tenha agradado. Aliás, para mim o único aspecto positivo, foi o facto de ter como personagem principal uma investigadora, e não um investigador ou detective, como habitualmente. É refrescante a "novidade" de ter como protagonista uma mulher, em livros deste tipo. A protagonista chama-se Kinsey Millhone, e da "série Kinsey Millhone" este livro é o terceiro.

A história é suficientemente atractiva para nos manter a ler, mas a qualidade do enredo é, na minha opinião, bastante fraca. Para o final, existem até aspectos em que não entendi a forma como a investigadora chegou lá, e tem um desfecho um pouco confuso. O estilo de escrita da autora também não foi do meu agrado, em particular nas descrições, pelo abuso de comparações, das quais muitas são descabidas ou estão mal conseguidas.

Para ser sincera, durante o tempo de decorreu, entre terminar o livro e fazer o post, já parte da história se diluiu da minha memória. Não posso, pois, aconselhar, a não ser que se seja "fanático" destes policiais "à moda antiga".

Linked books...
Inferno de Dante Aligheri (da Divina Comédia) - foi mencionado o rio Estige,  que nesta obra é um pântano que está no 5° Círculo do inferno, onde ficam os acusados de ira, inveja e soberba, batendo e se torturando.

B de Busca  - Sue Grafton (escolhido de entre os livros da autora mencionados na sua nota biográfica - estava descrito como B is for Burgler, o seu título original em inglês)

Hansel e Gretel - Irmãos Grimm

Winnie The Pooh - A.A. Milne

Linked places...
Santa Teresa
(San José, California, E.U.A.)
Montebello (California, E.U.A.)
Rodeo Drive
(Beverly Hills, California, E.U.A.)
Yosemite
(Serra Nevada, California, E.U.A.)
Lompoc
(Santa Barbara, California, E.U.A.)
Edgewater Hotel
(Seattle, Washington, E.U.A.)
Linked people...
Kim Novac
Jean Harlow
Sally Struthers
Linked music...




Linked flora...
Altéia
Ipomeias
Pau-Rosa
Piracanto
Linked brands...
Tonka
Schwinn
Famous Amos
Zest
Naugahyde
Coast
Tinkertoys
Linked food...
Hot Cross Buns
Quarter Pounder
Miracle Whip
Ding Dongs
Sonkás Palacsinta
A-1
Linked drinks...
Beefeater
Chablis
Highballs
Linked weapon...
Derringer
Linked Tv series...

M.A.S.H.
Linked looked up words...
codicilo - disposições adicionais a um testamento.
furta-passos - acto ou efeito do animal quadrúpede andar, levantando as duas patas dianteiras e depois as traseiras.
terso - lustroso, polido, limpo; [figurado] puro, correcto, limado.

Friday, May 9, 2014

A Casa Abandonada - Charles Dickens

Linked by...
O livro que levou à leitura desta obra foi Wilt de Tom Sharpe, livro esse que proporcionou imensos links!
Depois da minha estreia neste blogue com o post sobre o livro Os Revoltados do Caine, a Cristina enviou-me esta obra. Escolhi-a por sugestão, mais uma vez, da Roberta Frontini que a considera uma das melhores obras alguma vez escritas. Tinha de o ler!

Linked opinion...
Eis um livro que me vai ficar gravado na memória para todo o sempre. Arrancou-me sorrisos e lágrimas, e fez-me sentir próximo dos personagens, tal é a forma que Dickens dita a sua narrativa. Imagino-o de pena na mão e com um copo de vinho do Porto ou da Madeira na outra (isto porque estas bebidas foram muitas vezes referidas nas obras que li que retratam esta época). Enquanto isso, vejo-o a engendrar todo o enredo que vos irei apresentar. 

Uma obra que apesar dos seus 161 anos tem imensas situações paralelas com a era actual. "A Casa Abandonada" é-nos apresentada em dois volumes: o primeiro (no meu caso) tem 410 páginas e o segundo com 419. Todas elas com um tipo de escrita que adoro. Dickens destaca a linguagem usual dessa época e fez-me aprender palavras novas (algumas delas sinónimos de outras mais usuais). Foi editada pela Romano Torres e é o nº66 da colecção "Obras escolhidas de autores escolhidos" e estes dois volumes foram oferecidos ao Linked Books por uma amiga da Cristina.

Como já tinha realçado anteriormente, Charles Dickens foi brilhante na construção de toda a história e na caracterização das suas personagens.

Disse atrás que esta trama "...tem imensas situações paralelas com a era actual.." e porquê? Porque retrata como a justiça e os tribunais funcionavam, e funcionam, ou seja, devagar, devagarinho... Marca-se sessão, desmarca-se sessão, aparece uma nova testemunha, um novo documento, documentos forjados, documentos perdidos, enfim! Nunca me senti tanto no Portugal de hoje como ao ler episódios da vida inglesa do século XIX.

Como já perceberam, esta história envolve um tribunal, dentro do qual decorre um processo que se arrasta ao longo dos anos. Este processo será o mote para conhecermos inúmeras personagens. Não se pode dizer que este seja o tema principal do livro. Aliás, Dickens faz isto em inúmeras das suas obras. Os seus livros não têm apenas uma personagem principal ou apenas uma história principal. Não é por isso de estranhar que, neste livro, haja dois narradores. Um deles é Ester Summerson, uma rapariga jovem orfã que vive aos cuidados de uma tia. Quando esta morre, Ester vê-se forçada a mudar a sua vida. Numa trama brilhantemente construída (como só Dickens sabe fazer), onde vamos ao encontro de segredos, traições, ódios, amor, chantagem, mistério (muito mistério) e outras situações que vos irão deixar boquiabertos.

Um livro que aconselho claramente a qualquer amante deste autor!

Apesar de estar dividido em dois volumes e de ter imensas páginas, tornou-se difícil "sacar" link`s porque Dickens faz poucas referências.

Linked opinion by other bloggers...
no blogue FLAMES falou-se na adaptação do livro em Série para a BBC

Causou-me alguma estranheza e tristeza não encontrar outros blogues a falar nesta obra. 

Linked tv series...



Linked books...
O Colar de Veludo - Alexandre Dumas (este livro aparece na contra-capa do livro). Esta obra foi anteriormente mencionada no post do livro Martin Eden - Jack London

Linked favorite citation:

"É, evidentemente, uma coisa surpreendente que no coração de um mundo civilizado se torne mais difícil alojar este ser com figura de homem do que um cão sem dono."

Linked places...
Pântanos de Essex "Inglaterra"
 
Rio Niger "África"
Campos Elísios (França)
Catedral de S. Paulo (Inglaterra)
Ponte de Waterloo "Inglaterra"
Ponte de Blackfriars "Inglaterra"
Jardim Lincoln`s Inn "Inglaterra"
Linked people...
Rei D. Carlos I de Inglaterra

Linked looked up words...
amanuense - escriturário(a) de secretaria pública, escrevente, copista.
chiste - graça, pilhéria, facécia.
equanimidade - igualdade de ânimo perante a prosperidade e a adversidade.
exórdio - [figurado] princípio; origem.
iracundo - propenso à ira; irascível.
jactância - atitude ou comportamento de quem mostra e exibe as suas qualidades ou o elevado conceito que tem de si próprio.
mísula - peça arquitetónica para sustentar estátuas ou vasos.
óbolo - [figurado] esmola insignificante
perorou - do verbo perorar, concluir um discurso ou falar em favor de. discursar pretenciosamente.
pleito - questão judicial, litígio, disputa, rivalidade

Thursday, May 8, 2014

Lenda de S. Julião Hospitaleiro - Gustave Flaubert

Linked by...
Este pequeno conto de Flaubert surgiu mencionado no livro Beatriz e Virgílio , de Yann Martel. Surgiu até mais que mencionado, uma vez que em Beatriz e Virgílio se encontram alguns excertos do conto. Fiquei assim com uma boa ideia sobre o que esperar, a partir dessas transcrições lidas. Os excertos estavam escritos de forma impecável e a parte da história que li era bastante interessante, em jeito de fábula.

Ao procurar pelo livro, encontrei na Winking Books este livro intitulado "Contos Lendários", do qual o conto de Flaubert faz parte, pelo que não hesitei em solicitá-lo.

Linked opinion...
Por aquilo que já tinha lido em Beatriz e Virgílio, esperava uma leitura diferente. Esperava uma fábula, com uma história interessante. Mas se isso foi verdade no início do conto (que coincidia com a parte que eu já havia lido no livro de Yann Martel), não se manteve assim.

Durante a parte do conto que eu mais apreciei, quer pela escrita sem mácula, quer pelo interesse da história, assemelhava-se esta em alguns pontos, à história de Rei Édipo. A história relatava o percurso de um homem que fugia do seu destino, destino esse que havia sido predito por elementos fantásticos. Esta parte foi para mim a melhor do conto.

Mas subitamente, o autor parece mudar abruptamente o caminho, e a história passa a ser sobre o pecado e a sua expiação, tomando um cariz religioso. Fiquei confusa, e ao terminar o conto, não entendi a intenção do autor. As várias partes do conto parecem não se conjugar, não formam um todo, e isso reflecte-se no sentimento que deixa ao leitor no fim.

Na minha opinião, apesar de ser um conto que se lê muito bem, não acrescenta nada. Muito menos ao  leitor que já tiver lido Rei Édipo. Por tal, não aconselho.

Linked opinion by other bloggers...

Linked books...

A Lenda da Rosa - Selma LagerLöf (é inevitável a ligação a este título, uma vez que faz parte deste exemplar intitulado "Contos Lendários", a partir do qual acedi ao conto "Lenda de S. Julião Hospitaleiro)

Madame Bovary - Gustave Flaubert (foi mencionado na nota biográfica entre outros, mas aceitámos esta ligação uma vez que já consta na nossa lista de livros a ler)

Três Contos - Gustave Flaubert (publicação original de onde é extraído este conto)

Linked animals...
Gerifaltes
Falcão-Peregrino
Linked extinct animals...
Auroque
Talbot
Linked places...
Babilónia
Cítia
Cáucaso

Linked flora...
Ligustro
Sarça
Linked military object...
Cavalo de Frisa
Linked looked up words...
açafates - cesto de vime de bordo baixo, sem asas nem arco.
alão - cão grande de fila, mastim, molosso. 
arção - parte dianteira ou traseira da sela à marialva, e, por extensão, da sela ordinária.
balestra - besta.
burel - pano grosseiro de lã; hábito (religioso); luto [figurado].
carbúnculo - rubi muito brilhante; pústula maligna; ustilago.
cisterna - reservatório de água fluvial; poço.
cogula - túnica de frade; casula.
enho - cria do veado ou do cervo. 
escarcela - pequena bolsa de couro pendente da cintura.  
escudela - tijela de madeira.
trápola - armadilha de apanhar caça; [figurado] pessoa traiçoeira.
venablo - espécie de dardo ou lança de arremesso que se atirava á mão, ou por meio de máquina; [figurado] arma, expediente, recurso.
vérmina - doença produzida pela abundância de vermes nos intestinos.