Monday, November 19, 2012

Mulheres Apaixonadas - D. H. Lawrence

Linked by...
Foi Tom Sharpe, em "Wilt" que mencionou este título. Reconheço o autor D.H. Lawrence das estantes das livrarias, onde é presença habitual. Contudo, nunca havia comprado ou lido nada deste autor. Apesar de ser um autor cujas obras têm edições recentes, acabei por comprar este exemplar em segunda mão no site leilões.net (para poupar árvores e euros). Iniciei a leitura deste livro com a expectativa de se tratar de um bom e original romance de época.

Nota - posteriormente ocorreram as seguintes referências:

Linked opinion...
Infelizmente, este será o primeiro livro lido deste blogue, sobre o qual  apenas posso dar uma opinião desfavorável. Era mais que provável que isto viesse a acontecer, mas não estava nada à espera que fosse neste livro. Que grande desilusão.

É muito triste ter que falar assim de uma obra de um autor tão conhecido e importante na história da literatura, mas realmente não gostei nem um bocadinho deste livro. Muito sinceramente, foi um autentico suplício chegar ao fim, e não fosse esta resolução que encetei neste blogue, de não rejeitar nenhuma referência, teria , sem dúvida ter sido posto de lado. Para ajudar a esta tarefa que se tornou tão ingrata, é uma obra com quase quinhentas páginas...

Achei a história desinteressante e quase inexistente, e a forma como está escrita, senti-a como pretensiosa e desagradável. Quer em termos das passagens mais descritivas, quer em termos das falas dos personagens. Passava-se do fútil, irrelevante e aborrecido (como por exemplo, e repetidamente, as cores de todas as peças de roupa dos personagens), para a reflexão densa, confusa e atormentada, sobre as questões humanas e sociais. Não há meio termo. E estas reflexões quando transpostas para as falas dos personagens, traduzem um ambiente surreal. Quem é que fala ou pensa assim? Quanta incoerência de pensamentos e de comportamentos...que confusão.

Julgo ter entendido o objectivo do autor, de expor a complexidade dos relacionamentos humanos e de promover uma reflexão sobre a mudança social do seu tempo, mas sinceramente parece-me muito mal conseguido, numa escrita muito mal elaborada, cuja beleza literária que associam a este autor, não conseguí encontrar.

Provávelmente, esta opinião deve-se apenas à minha própria ignorância literária, pela qual peço desculpa aos admiradores de D.H. Lawrence, mas de facto, não posso recomendar esta obra. De todo. No entanto, o leitor destas linhas deve ter em atenção que, segundo li, este é um autor que foi controverso no seu tempo, por vários motivos, como por exemplo, por ter introduzido o tema da sexualidade nas suas obras, e continua a sê-lo hoje em dia, mas por motivos diferentes. Segundo apurei, não há meio termo no impacto que causa nos leitores, sendo ou odiado ou adorado.

Linked places...

Moregreen Reservoir (Inglaterra) - referido no texto como o lago "Willey Water"

Westminister Bridge (Londres, Inglaterra)

Linked books...

Pais e Filhos - Ivan Turgéniev

MacBeth - William Shakespeare

As Flores do Mal - Baudelaire

Hamlet - William Shakespeare

Odisseia - Homero 

Romeu e Julieta - William Shakespeare

As Aventuras de Robin dos Bosques - Robert L. Green (foi mencionada a floresta de Sherwood)

A Idade da Inocência - Edith Wharton (publicidade da editora)

The Love Letters of Bismarck - Otto Bismarck

A Abadia de Northanger - Jane Austen (Lawrence menciona apenas Austen, sem especificar a obra. Escolhi este título, seguindo o que afirma outra autora: Amy Elizabeth Smith)

A Vontade de Poder - Friedrich Nietzsche

O Jogo das Nuvens - Johann Wolfgang Goethe (Lawrence refere-se a Goethe, mas não especifica. Já aqui no blogue foi lido o "Werther" de Goethe , e  outras obras do autor estão na lista das referências a serem lidas. Escolhi assim este título, porque ainda não faz parte dessa lista, e porque existe uma edição em português, barata e disponível na Wook)

Defesa da Poesia - Percy B. Shelly (também aqui Lawrence não especifica o trabalho, mas apenas o autor. Na lista de referências por ler existe já um título deste autor, tendo este sido escolhido utilizando o mesmo método utilizado para Goethe. Ou seja, porque existe uma edição em português, barata e disponível na Wook).

Ensaios de Francis Bacon -  Francis Bacon (Lord Bacon foi mencionado, e este título foi escolhido, porque de entre as obras com edições portuguesas, esta foi a a obra que considerei mais apelativa).

Poemas  - Alfred Tennyson (foi mencionado o seu poema "Lady de Shalott")

Life at Grasmere - Dorothy Wordsworth (foi mencionada a autora, e escolhido este título por ser a edição mais em conta na Wook, de sua autoria)

As Aventuras de Robinson Crusoe - Daniel Defoe (foi mencionado Alexander Selkirk, o marinheiro náufrago, cuja história real terá inspirado Defoe)

Mary Stuart - Frederich Schiller (Maria Stuart foi mencionada no texto, bem como Schiller e a sua "pobreza e fidelidade do amor")

O Arco-Íris - D.H. Lawrence ("Mulheres Apaixonadas" é a sequela deste livro, pelo que é inevitável inlcuí-lo aqui nesta rubrica.  Para além desse facto, em "Mulheres Apaixonadas" é mencionado o nome de Anton Skrebensky, um  personagem de "O Arco -Íris)

The Story Book of Science - Jean Henri Fabre (foi mencionado o autor, e este foi o título escolhido por ser a edição mais em conta disponível na Wook, de sua autoria)

Rei Lear - William Shakespeare (foi mencionada a personagem Cordelia)

As Afinidades Electivas - Johann Wolfgang Goethe (foi mencionado Goethe em Weimer, local onde se encontrava aquando da publicação desta obra, e este título já constava da lista dos livros para ler deste blogue)

Dicionário Filosófico - Voltaire (foi mencionado Voltaire em Ferney, e as biografias sobre o autor referem que a obra "Dicionário Filosófico" foi escrita após ter viajado para Ferney) 

The Egoist - George Meredith (foram mencionados os poemas de Meredith, tendo sido escolhido este romance do autor, por estar disponível na Winking Books

Le Vergini Delle Roche - Gabriele D'Annunzio 

Paulo e Virgínia - Bernardin de Saint-Pierre

Discurso sobre a Origem e os Fundamentos da Desigualdade entre os Homens - Rousseau (foram mencionados os tremores de Jean Jacques) 

Linked mythological figures...

Dafne
(na imagem Apolo e Dafne. Escultura de Gian Lorenzo Bernini)
Foto retirada do blogue: http://arrakis-melange.blogspot.pt/



Laocoonte (foram mencionadas as serpentes de Laocoonte)
Hermes
Hebe
 
Linked people...

Safo
Lady Godiva
Gaby Deslys (1881-1920) - actriz e corista
Vaslav Nijinsky - bailarino e coreógrafo
Eleonora Duse (1858-1924), actriz
Katharine O´Shea (1858-1924)
David Lloyd George
Paul Poiret (1879-1944)
Linked art...
foram mencionados os quadros de Rossetti
imagem retirada do blogue: artesehumordemulher.wordpress.com

foram mencionados os piqueniques de Watteau
Fantasma de uma Pulga - William Blake

Linked songs...


Annchen Von Tharau (canção popular alemã) 

Annie Laurie (canção popular escocesa)



Linked words...

desiderato - aquilo que se deseja. = ASPIRAÇÃO
carreta - carro ligeiro de duas rodas para transporte de objectos.
sardónico - irónico e requintadamente mau. = SARCÁSTICO

No comments:

Post a Comment