Tuesday, June 12, 2012

Diálogo das Compensadas - João Aguiar

Linked by...
Chego a este livro pela referência indirecta em "Inês de Portugal", de João de Aguiar., nomeadamente pela publicidade da editora às obras do autor. De entre muitas obras mencionadas escolhi esta por ter sido a  primeira que encontrei disponível na Winking Books, de onde acabou por vir o exemplar que li.

É assim a segunda das obras deste autor neste blogue, e também a segunda que leio. Do livro "Inês de Portugal" ficara a vontade de ler outro livro do autor, no qual ele não estivesse "preso" a um objectivo (elaborar um guião de cinema), nem a uma história pré existente. Foi assim, com o desejo de tentar conhecer melhor este autor, que parti para esta leitura.

Linked synopsis...

"Num ponto qualquer do futuro distante, certo autor decide-se a narrar um caso de proveito e exemplo ocorrido nos recuados princípios do século XXI. Como base de trabalho, ele possui fragmentos de um livro publicado nessa mesma época – escrito, portanto, em Português decadente, talvez já contaminado pelo novo idioma que viria a substituí-lo, o Yeah-Yeah-Man.
Negando-se a recuar perante a dificuldade, o nosso autor aproveita as partes mais legíveis do texto original e completa-as na boa e clara linguagem do Português Ressuscitado. Assim surge o Diálogo das Compensadas, cujas principais figuras são um jovem da geração reality-show e uma abadessa não isenta de mistérios e segredos.

À semelhança do que já fez em romances anteriores, João Aguiar prossegue neste livro uma crítica feroz aos aspectos mais mesquinhos da sociedade em que nos coube viver."
fonte:Wook

Linked opinion...
A colecção da ASA da qual esta edição faz parte, define bem o que foi para mim este livro: um pequeno prazer. Um pequeno livro, e uma assaz e incisiva crítica social , que se apresenta "embrulhada" numa história imaginativa e fora do vulgar. Primeiro estranha-se um pouco a linguagem utilizada, mas cedo a mesma é justificada e o leitor se habitua, sem problemas de maior.

É mesmo muito curioso este livro. A crítica social em si mesma não é novidade, pois aborda temas da nossa sociedade actual, sobre os quais ouvimos falar recorrentemente, e sobre os quais, certamente, já a maior parte dos leitores reflectiu. Mas a forma como essa crítica é feita, essa sim, é singular e diferente. O livro lê-se muito rapidamente e com grande facilidade, e a história consegue manter o interesse do leitor durante toda a leitura. Continuo, contudo, sem conseguir "conhecer" este autor, pois acho que, dadas as características muito próprias deste livro,  não terá sido esta a melhor escolha para esse fim. Espero assim, voltar a ler mais obras deste autor.

Da nota biográfica do autor, na contra capa, escolhi o seguinte livro, por ser o que estava disponível na Winking Books:
Os Comedores de Pérolas - João Aguiar

É mencionada no texto do livro a expressão "cousa mui escusada e indecente" o que me levou á seguinte referência:
A Dama Pé-de-Cabra - Alexandre Herculano

Linked poem...

Mudam-se os Tempos, Mudam-se as Vontades

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,
Muda-se o ser, muda-se a confiança:
Todo o mundo é composto de mudança,
Tomando sempre novas qualidades.

Continuamente vemos novidades,

Diferentes em tudo da esperança:
Do mal ficam as mágoas na lembrança,
E do bem (se algum houve) as saudades.

O tempo cobre o chão de verde manto,

Que já coberto foi de neve fria,
E em mim converte em choro o doce canto.

E afora este mudar-se cada dia,

Outra mudança faz de mor espanto,
Que não se muda já como soía.


Luís Vaz de Camões, in "Sonetos"

Linked portuguese towns and villages...
Lisboa
Cascais
Oeiras
Amadora
Almada
Oliveira do Hospital
Vila Real
Setúbal
Porto
Gondomar
Condeixa-a-Nova
Arouca
Beja
Évora

Linked portuguese monarchy figures...
D. Afonso II
D. Dinis
Rainha Santa Isabel
D. Mendo de Sousa (o Sousão)
D. Afonso Henriques
D. Teresa
D. Fernando
 Linked popes...
Gregório XIII
Clemente VII
Urbano VI
Linked looked up words...
estulto - que não tem bom senso ou discernimento.
pantalha - estrutura revestida destinada a quebrar a intensidade da luz ou a orientá-la.
coevos - que ou quem é do mesmo tempo ou da mesma época.
parlatório - locutório nos conventos, prisões, lazaretos.
merencório - melancólico; triste.
sílfide - génio feminino do ar, na mitologia céltica e germânica da Idade Média ; mulher franzina e delicada; figura indistinta, vaporosa.

No comments:

Post a Comment