Wednesday, March 21, 2012

Wilt - Tom Sharpe

"First Link"... 

      Como é natural e até ao momento, este título e autor não foram referenciados por nenhum livro. Isto porque foi com ele que decidi começar esta "viagem" pelos livros dos livros, tendo este me sido oferecido por uma amiga. Revelou-se um fantástico "sítio" para começar, dado o número elevado de livros que nele são mencionados (ver parágrafo Linked Books).



Editora: Editorial Teorema   -   www.editorialteorema.pt
Data de Edição : o livro que li é uma 2ª edição reimpressa em Abril de 2002.
Tradução: Ana Mafalda Telo
Género: Comédia
Autor: Tom Sharpe
Resumo: Romance cómico que conta as aventuras de Wilt, um professor de literatura que leva uma vida entediante e que tem um desejo secreto: matar a sua mulher obsessiva que faz tudo para o irritar.

Linked Opinion...
Este livro, que considero surpreendente e desconcertante, fez-me rir por diversas vezes a bom som.  A história em si é meio pateta e idiota, o que não faz dela menos possível ou realista. Leva-nos pelas vidas vulgarmente invulgares do protagonista e de mais meia dúzia de personagens, quase tão apagadas quanto ele, e tão interessantes quanto ele, na sua mundanidade. As mulheres deste livro, são fortes e características, contudo nem sempre, ou melhor, quase nunca, por boas razões. Desde a inconstância fogosa ( e por vezes desastrosa...) dos interesses da esposa de Wilt, à libertina e meia tresloucada amiga rica que busca a libertação das mulheres, não esquecendo a vizinha e amiga conservadora. Não é que os homens da história sejam melhores em termos de valores e comportamentos, atenção... Mas aparentam ser bem mais fracos, talvez desgastados pelas suas próprias mulheres, quem sabe...Talvez estes homens, partilhassem com Wilt o desejo secreto de assassinar as suas mulheres, quem sabe. O que é certo é que toda a história é tão simples, e terra a terra, quanto é louca e irreal. Agora quanto aos sentimentos expostos, não há dúvida da sua veracidade, e da sua proximidade ao nosso próprio dia a dia.
Um outro aspecto, chamou-me a atenção. Na minha própria idealização, não fui capaz de temporalizar de forma definitiva estes personagens e este enredo. Tanto imaginava pessoas antigas, dos anos 50, e por vezes até anteriores a essa década, como os podia perfeitamente imaginar no início do 90. Ao pensar sobre isso, penso que terá a ver com a imagem do "cinzento inglês" que herdei de outros livros, em que costumo colocar as histórias com professores e universidades em Inglaterra, com o seu conservadorismo tão "british" que parecem por vezes deslocados no tempo.
É um livro que recomendo vivamente, e que considero que deve ser lido, nem que seja por uma boas gargalhadas.

Linked Books...

      São muitos os livros que Tom Sharpe referencia nesta obra, devido sobretudo à profissão do seu protagonista Wilt. Listo abaixo os título e autores, e espero brevemente ler/reler alguma desta obras e dedicar-lhe um post como este.
Filhos e Amantes - D.H. Lawrence
This Island Now - Peter Abrahams (não encontrei versão portuguesa deste livro)
As Flores do Mal - Charles Baudelaire

Linked People... 
      
      Para além dos livros que este livro referencia, também são mecionadas pessoas. Pessoas essas que eu desconhecia. Levou-me assim a uma pesquisa sobre essas pessoas, que aqui partilho.

Helen Waddell
Helen Jane Waddell
(31 Maio 1889 – 5 Março 1965)
poetisa irlandesa, tradutora, escritora de peças de teatro.




Lewis Mumford

 Lewis Mumford
 (19 Outubro 1895 – 26 Janeiro 1990)
Historiador,  sociólogo, crítico literário.





Lord BeaverBrook
William Maxwell "Max" Aitken, 1st Baron Beaverbrook
25 Maio 1879 – 9 Junho 1964
Empresário, político e escritor. 

http://en.wikipedia.org/wiki/Max_Aitken,_Lord_Beaverbrook

http://superiorbeing.ca/archives/hsm/hsm27.html





Linked Words...

      E como qualquer livro que se preze, eis-me apresentada a novas palavras, que para mim tiveram até esse momento um significado desconhecido. Foram elas:

esteatopigia - desenvolvimento excessivo e hipertrofia das partes adiposas das nádegas por acúmulo  de gordura, esp. de mulheres entre os hotentotes, pigmeus e algumas tribos de negros.

litania oração em que se pede a deus ou aos santos para intercederem pelos fiéis; enumeração enfadonha; lengalenga. 

demiurgo - o deus criador (entre os platónicos)

plagiocefalia - resulta da fusão unilateral prematura (a junta lateral) das suturas coronal ou lambdóide. A sutura lambdóide une ao osso occipital (osso que une à cabeça com a coluna) com os ossos parietais (ossos laterais superiores) do crânio; a plagiocefalia é um transtorno caracterizado por uma distorção assimétrica (aplastamento lateral) do cráneo.

No comments:

Post a Comment